Skip links

Dia Internacional do Enfermeiro

Hoje, dia 12 de Maio, celebra-se o Dia Internacional do Enfermeiro. Não seria descabido dizer que o dia dos enfermeiros é todos os dias…não há folgas no que toca ao cuidar das pessoas!

Muito se poderia escrever acerca do trabalho e da importância dos enfermeiros na comunidade. Hoje em dia será mais fácil resumir esta importância usando uma expressão que nos faz arrepiar, “linha da frente”.

O mundo atravessa um dos seus maiores combates das últimas décadas, contra um inimigo de tamanho inversamente proporcional á sua perigosidade.

O “combate“ na linha da frente, não é de hoje nem de ontem, é já de alguns séculos e estará sempre ligado ao mandato social dos enfermeiros.

De fato, os enfermeiros são a linha da frente, não só nesta fase de pandemia. Estamos presentes desde o primeiro choro até ao último suspiro. Estamos presentes não só naquele quarto do 8º andar numa fria noite de Natal, mas também na escola básica a educar os mais jovens para estilos de vida saudáveis.

A enfermagem assume-se cada vez mais com uma ciência de referência na área da saúde, verificando-se nos últimos anos uma enorme evolução científica associada a uma investigação abrangente e profunda. Assume cada vez mais um papel decisivo e proactivo no que refere à identificação das necessidades de cuidado da população, assim como na promoção e proteção da saúde.

Festejemos hoje este dia, não com palmas ou lanternas acesas como forma de valorização desta profissão, mas sim com ações posteriores a esta fase, que provarão o quanto a sociedade está agradecida pelo papel e importância de cada enfermeiro na saúde de todos nós.

A imagem escolhida é da mais recente obra do pintor Banksy, “Game Changer”, onde de uma forma simples e pura, homenageia os Enfermeiros como Heróis.

Elisete Ferreira (Enfermeira P5)