Skip links

Construir um mundo mais justo e saudável

Comemoramos o Dia Mundial da Saúde com algumas sugestões

Desde 1950, que no dia 7 de abril se celebra o Dia Mundial da Saúde. A cada ano, a Organização Mundial de Saúde (OMS) escolhe um tema central para ser debatido, o qual passa a ser uma prioridade na agenda internacional. Para este ano de 2021foi escolhido o tema “construir um mundo mais justo e saudável” que visa alertar para as desigualdades no acesso aos cuidados de saúde e mobilizar os decisores políticos e sociedade civil para a resolução deste problema. 

Um mundo desigual 

O mundo, tal como o conhecemos atualmente, é pautado por desigualdades a vários níveis. Com a pandemia COVID-19 ficou ainda mais evidente que existem pessoas capazes de viver vidas mais saudáveis e ter acesso a cuidados de saúde, enquanto outras, por razões relacionadas com as condições em que nasceram, cresceram ou viveramse veem privadas desses mesmos direitos 

Um pouco por todo mundo, assiste-se a grupos específicos da população que vivem com dificuldades, com rendimentos baixos e menos oportunidades de emprego; condições precárias de habitação; falta de acesso a educaçãoexperienciam maiores desigualdades de género e tem um acesso limitado a ambientes seguros com água fresca, comida e serviços de saúde. Estas situações levam a um sofrimento desnecessário, a doenças evitáveis e possível morte prematura, enquanto causam um impacto significativo na sociedade e na economia. 

A pandemia COVID-19 afetou todos os países de forma severa, mas o seu impacto fez-se sentir afincadamente nas comunidades mais vulneráveis. A partir de março de 2020 em Portugal, os efeitos socioeconómicos da pandemia, com a redução expressiva da atividade económica, o aumento do desemprego e a quebra dos rendimentos de largos setores da população agravou de forma inequívoca as condições de vida de milhares de pessoas. As políticas públicas desde então implementadas tentaram minimizar, ainda que de forma insuficiente, os principais efeitos sociais desta crise. 

Neste Dia Mundial da Saúde queremos deixar algumas sugestões do que poderá ser feito a título individual para minimizar esta problemática: 

  • Não desperdice comida 
  • Faça doação de roupas, móveis ou outros artigos dos quais pode prescindir: 
    • Diretamente a famílias carenciadas do seu conhecimento 
    • Igrejas e Centros Paroquiais 
  • Apoie uma organização contra a pobreza: há uma grande quantidade de organizações não governamentais ou sem fins lucrativos que tem como objetivo erradicar a pobreza e as desigualdades sociais. Informe-se junto destas qual a melhor forma de ajudar 
  • Faça serviço de voluntariado: procure instituições a nível local que precisem de voluntários e dê o seu contributo 

Fabiana Lima
Enfermeira Coordenadora
Centro de Medicina Digital P5

Leave a comment