APP P5

Fale com um profissional de saúde através da APP P5

Ao utilizar a APP P5, terá à disposição uma equipa de profissionais pronta para avaliar os seus sintomas ou a esclarecer as suas dúvidas de saúde.

Aplicação gratuita para residentes de: Braga , Guimarães e Paredes de Coura.

recomendação da APP
/5
satisfação dos utentes
0 /5

Como funciona a APP P5?

A APP P5 permite avaliar os seus sintomas diretamente com um profissional de saúde: médicos, enfermeiros e psicólogos.

Iremos contactá-lo em menos de 24h úteis, através de mensagem (SMS) ou telefone. Os profissionais de saúde podem dar resposta seu caso a partir de: prescrição de medicamentos, aconselhamento clínico ou encaminhamento para unidades de saúde.

Aplicação é gratuita para residentes dos concelhos de: Braga, Guimarães, Paredes de Coura.

Sim, tomei um paracetamol logo de manhã

Bom dia, recebemos o seu pedido. Já tomou alguma coisa para as dores?

Não reside em nenhum destes concelhos?

Escolha uma das modalidades abaixo:

Protocolos

0
  • Sem limite de pedidos na APP P5
  • Acompanhamento por um médico, enfermeiro ou psicólogo

Utilização pontual

5 apenas uma vez
  • 1 pedido na APP P5
  • Acompanhamento por um médico, enfermeiro ou psicólogo​

Subscrição anual

50 anuais
  • 5 pedidos por mês na APP P5
  • Acompanhamento por um médico, enfermeiro ou psicólogo​

A nossa equipa que dá resposta na APP P5

Perguntas frequentes sobre a APP P5

Para os residentes de Braga, Paredes de Coura e Guimarães, a APP P5 é totalmente gratuita. Pode consultar a página dos protocolos em vigor  aqui.

Após registar um pedido na APP, a nossa equipa clínica entra em contacto consigo (através de SMS ou chamada telefónica) para obter mais algumas informações sobre a sua situação de saúde. De acordo com a informação recolhida, o seu pedido será avaliado de forma a resolvermos o seu problema.

O seu caso pode ter três tipos de resolução, nomeadamente: prescrição de medicamentos, encaminhamento para unidades de saúde ou aconselhamento clínico.

Não. Após o registo dos seus sintomas, a nossa equipa clínica avalia o seu caso, entra em contacto consigo e dará o seguimento mais adequado. Contudo, recorremos à inteligência artificial para sinalizar a emergência do seu pedido.

Não. Todos os serviços prestados pelo P5 são online. Assim, o acompanhamento será feito à distância, através de mensagem (SMS) ou chamada telefónica.

Sim. Após o diagnóstico, se for necessário, a equipa clínica pode prescrever medicação diretamente para o seu telemóvel. 

Faça download da nossa APP P5

Consulte o termos e condições de utilização da APP.

Scroll to Top

Maria João Sousa

Enfermeira inscrita na Ordem dos Enfermeiros com Cédula nº 47172.

Formação Académica
Licenciatura em Enfermagem
Pós Graduada em Cuidados Paliativos
Mestre em Enfermagem de Reabilitação
Doutoranda em Enfermagem

Especialidade
Enfermagem de Reabilitação

Áreas de Diferenciação
Cuidados Intensivos
Serviço de Neurocirurgia
Cuidados de Saúde Primários

Rui costa

Enfermeiro inscrito na Ordem dos Enfermeiros com Cédula nº30899

Formação Académica
Licenciado em Enfermagem
Mostrando em Enfermagem Comunitária

Experiência Profissional
Funções como enfermeiro no Exército Português e na Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados
Missão Humanitária na Guiné-Bissau.

Elisete Ferreira

Enfermeira inscrita na Ordem dos Enfermeiras com Cédula nº 61135

Formação Académica

Licenciada em Enfermagem

Experiência Profissional

Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados e Enfermagem de Reabilitação.
Enfermeira instrumentista, de anestesia e circulante no bloco operatório.

Raul marques pereira

Médico inscrito na Ordem dos Médicos com Cédula nº 46324.

Coordenador do Grupo de Estudos de Dor da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar

Formação Académica

Pós-graduado em tratamento de Dor
Pós-graduado em Alta Direção de Instituições de Saúde pela AESE Business School
Mestre em Evidência e Decisão em Saúde pela Universidade do Porto

Especialidade

Medicina Geral e Familiar

Áreas de Diferenciação

Medicina geral e familiar, dor crónica, obesidade.

Jorge Hernâni-eusébio

Médico inscrito na Ordem dos Médicos com Cédula nº 62254.

Vice-Coordenador Externo do Grupo de Estudos de Dor da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar

Formação Académica

Pós-graduado em Medicina da Dor pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto

Especialização em Cessação Tabágica pelo INSPSIC

Mestre em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto

Especialidade

Medicina Geral e Familiar

Áreas de Diferenciação

Medicina geral e familiar, dor crónica, cuidados paliativos, cessação tabágica, geriatria

teresa Castanho

Psicóloga inscrita na OPP com Cédula nº 25911.

Especialidade

Psicóloga Clínica e da Saúde, Neuropsicologia
 
Formação académica

Pós-Graduação em Neuropsicocologia Clínica pelo Instituto Português de Psicologia e outras Ciências (INSPSIC)
Doutoramento em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da Universidade do Minho
Mestre em Psicologia da Saúde pela Escola de Psicologia da Universidade do Minho
Licenciada em Psicologia pela Universidade do Minho
 
Áreas de diferenciação

Avaliação neuropsicológica em doenças neurodegenerativas 
Psicologia do envelhecimento

Liliana Amorim

Psicóloga inscrita na OPP com Cédula nº 013747.

Formação Académica

Doutoramento em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da Universidade do Minho
Mestre em Psicologia Clínica e da Saúde pela Escola de Psicologia da Universidade do Minho
Licenciada em Psicologia pela Escola de Psicologia da Universidade do Minho

Especialidade

Psicologia Clinica e da Saúde
Sono
Envelhecimento

Áreas de Diferenciação

Terapia Cognitivo-Comportamental
Intervenção em Crise
Mudança Comportamental